Páginas

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Palavra-festa


Infalível palavra, encontra sempre a fresta
Seja densa, rarefeita
Sutil ou intensa
Vestida de poesia é festa
Traje de noite ou de dia, enfeita.
Seja palavra - é o que importa
Jamais inútil, jamais em vão
E que haja sempre intenção
Até na palavra morta.

Este blog que veio substituir a antiga "Caixa de Pandora", completa hoje 3 anos, com quase 15 mil visitas, com 140 amigos e amigas que  acompanham as verdades vividas ou inventadas que flutuam por aqui, com infinitos comentários, complementos necessários, quem mantém a palavra viva.
Viva! Viva a palavra, viva a escrita, viva a poesia!
Meus agradecimentos sem-tamanho aos que repousam por aqui seus olhares, que dedicam seu tempo à leitura, que dão um retorno ou não, simplesmente passam. Aos que aqui, feito espelho, buscam o seu reflexo. Também pode acontecer. Há um pedaço significativo - e indispensável - de cada um de vocês por neste espaço.
É tudo construção. E nada faço só. Sem vocês eu não seria.
Um grande abraço.

Sugestão para ouvir, aqui.

Imagem: CC - Creative Commons

18 comentários:

Leonardo B. disse...

[muitas, muitas mais as palavras dias madrugadas, que venham...]

um imenso abraço, Moni

Leonardo B.

Í.ta** disse...

essa fresta aqui é encantadora. é necessária. é um reviver sem tamanho.

parabéns, minha linda. merecedor demais!

beijos.

Letícia Losekann Coelho disse...

\o/ Legal, flor! Parabéns ;)
Que teu blog fique muito tempo no ar... Com palavras de vários sabores, cheiros, perfeitas e imperfeitas... Mas palavras que encantam e espantam pelo tom, pelo diferente de tudo. ;)
Adoro te ler e conhecer teu blog foi um grande presente.
Beijos

eupoeta disse...

Que muitas e muitas palavras ganhem o colorido da vida nas tuas inspirações lindeza.

Adoro cada trechinho de suas verdades, inventadas ou não.

Fã!

Beijão.

Vida Longa às Relevâncias, excessos e quinquilharias

;)

Carol Freitas disse...

E sabe qual é o melhor da festa?? É que o tempo passa, mas as palavras não envelhecem...

Saudações a este espaço 'imortalizador' de grandes palavras. As suas.

Beijo de parabéns pra vc! ;)

Gisa Carvalho disse...

Parabéns! Poesia rende anos e anos e anos e muitos anos!

RICARDO disse...

Querida Moni

As palavras não tem idade, penetram, através do tempo, as frestas da eternidade...

Suas palavras refletem(em mim e em todos que aqui pousam)inspiração, energia , sabedoria e um verdadeiro "bem estar interior".

Vida longa ao blog e que infinita permaneça a sua inspiração!

Bjos!

Aninha Kita disse...

Parabéns, Moni!
Aniversário é sempre bom, olhamos pra trás e vemos o quanto vivemos, quanta poesia, quantos amigos, quantos sonhos construímos e ainda podemos alcançar.

Tudo de bom! E que venham muitas frestas, e com elas toda ventania de poesia merecida. ;)

Beijos!
Ana

Renata de Aragão Lopes disse...

"jamais em vão"

Parabéns pelo espaço,
por cada linha escrita,
pelo carinho com que nos recebe!

Um abração, AMIGA!

Renata Aragão
Doce de Lira

marjoriebier disse...

ADOREIIIIII, sua linda!!!

Além de minha ermã gêmula de DMs "impóprias", é uma poeta e tanto essa moçoila.

Besos.

Rafael disse...

Aêeee, parabéns pelo belo blog, moça!
Bjs

Edu disse...

Cara Moni,

Vc tem o dom da fluidez, fico impressionado como as palavras encaixam bem e simplesmente nos seus poemas.

Com 2 deles, já é uma de minhas favoritas!

Viva o blog, a palavra, calada ou não. Continue sempre!

Beijo!

Rodrigo Passos disse...

muito interessante seu texto!

Gordinha disse...

Você é uma das pessoas as quais teria o imenso prazer de um dia sentar e jogar conversa fora! =)

Adoro suas palavras, o encaixe e o desenlace delas. Tanto nos textos, poemas e poesias, quanto até mesmo nos comentários!

E parabéns pelo blog!

Bjs da gordinha!
=D

NDORETTO disse...

_______Aêeeee, parabéns nesta data querida, muitas poesias e blogs na vida!!!!!
______ Pro Blog da Moni ,nada? -Tudo!!!!! Então como que é? È: _______Moni, Moni, Moni,Moni!!!!!!

abraçosabraçosabraço
neusa

FERNANDO COSTA disse...

Relevante Aconchego
[ Moni ]

Se fosse Deus um desejo seria a palavra
Se fosse um gesto, seria um abraço
Se fosse um tempo, seria o agora
Se fosse um sentido, seria a audição
E não haveria o não !

Se fosse escolher seria, a amizade
Se fosse a entrega, seria o mar
Se fosse o perdão, seria pra sempre
Se fosse um livro iria contar,
Que amar é bom !

E assim como os versos quais derramas
[que eu amo]
Se fosse escolher meu Deus por uma cama,
Eu digo que ele adormeceria por aqui !

Lagos – Nigéria – 04/11/2010
Parabéns Querida – Por tanta Beleza.

Talita Prates disse...

viva você!

amo,
com carinho e admiração!
(como se isso não ficasse subentendido, né... rs)

um beijo,

Talita.

Mary Pereira disse...

e que haja sempre as frestas. Sempre.
Parabéns pelo aniversário! O presente é nosso.

Beijos, querida!!